Tanquã - Um paraíso em Piracicaba!

Tanquã - Um paraíso em Piracicaba!

20/10/2014

Tive o prazer de conhecer o Tanquã junto ao ambientalista e observador de aves Gustavo Pinto mais a companhia da Karina Santana e do Paulo Cesar.

O bairro Tanquã está localizado na cidade de Piracicaba (acesso SP 304 - Piracicaba/ São Pedro) e foi constituído no início da década de 1960 por uma população que não era favorecida pelo desenvolvimento das cidades vizinhas.
A partir de então, a pesca passou a ser o meio de sobrevivência dos moradores do bairro.
O Tanquã é basicamente um vilarejo que possui dezenas de moradias à beira rio, o que proporciona aos moradores contato mais que direto com a natureza e espécies singulares que a compõe, como tuiuiú, ariranha, andorinha, garça, jaburu, tucano, papagaio, arara, paturi, marreco, ferrão, além de jacarés, capivaras, etc.

Construção da barragem:

Existe um projeto de construção de uma barragem há 20 anos e ainda traz opiniões contrárias quanto a sua realização.
Os moradores do bairro são contra, pois teriam que abandonar suas vidas no local, e esse abandono traria incômodo, já que são apaixonados pelo lugar.
O intuito é realizar a construção de cinco barragens, dentre elas, a do Tanquã (Anhembi). Esse projeto partiu do governo do Estado de São Paulo para tornar navegável o rio da zona rural de Anhembi (232 km da capital paulista) a Salto, facilitando assim o Departamento Hidroviário do Estado.
A expectativa é que até o final desse ano as licenças tenham sido aprovadas para que, em 2015, as obras estejam bem avançadas.
Com a barragem, o “pantanal” piracicabano será transformado em um lago para navegação, ou seja, não será mais um local para habitação.
Os moradores terão que se deslocar, modificando totalmente seu estilo de vida.

De acordo com o presidente da Associação de Recuperação Florestal da Bacia do Rio Piracicaba e Região (Florespi), Ricardo Otto Leão Schimidt, a sobrevivência dos animais irá depender da compensação ambiental que será feita a partir da instalação da barragem.
O governo garante que haverá a compensação ambiental em uma área próxima à atual e isso será feito da melhor maneira possível, afim de não perder a essência do que representa e representou o Tanquã!! Será?

Parte do texto extraído do blog Espírito do Lugar. Onde também pode ser conferido o vídeo Tanquã: Um paraíso Piracicabano.